Espiritismo no dia-a-dia

Liberdade Para o Jovem

O desejo de liberdade é inato no ser humano e são poucos os que não lutam por assegurá-lo.
O jovem também tem direito à liberdade, mas esta deve ser proporcional ao seu grau de maturidade. Liberdade total pode ser muito prejudicial ao jovem imaturo, que, frequentamente, a usa mal, prejudicando ao semelhante e a si próprio.
Os pais sensatos sabem dosar a liberdade dos filhos.
O bom senso nos recomenda conceder a liberdade à prole de forma progressiva e de acordo com o seu amadurecimento.
À medida que vão conquistando liberdade almejada, os jovens devem assumir a responsabilidade correspondente. Quanto mais amadurecidos, maior liberdade podem conquistar, entretanto a sua responsabilidade cresce na mesma proporção.
Para conceder a liberdade aos filhos, os pais precisam conhecê-los bem. Muitos pais limitam com excesso de rigor a autonomia de seus rebentos por não os julgar capazes de usá-la de forma comedida. Não raro queixas desse teor são procedentes, porquanto há pais que não conhecem suficientemente os próprios filhos, não percebendo que já dispõem de razoável capacidade de discernimento, que os torna merecedores de liberdade. Há moços que são mais amadurecidos que muitos adultos. São espirítos que já trazem experiências vastas das outras encarnações. Também há adultos que permanecem imaturos e, durante toda vida, cometem erros próprios da adolescência.
Se muitos pais restrigem a liberdade dos filhos, muitos jovens superestimam a sua capacidade e julgam-se mais amadurecidos do que realmente são. Acham que têm toda competência para resolver qualquer problema. Por assim pensar, reclamam mais liberdade do que podem receber e revoltam-se com os genitores, quando estes limitam a independência pretendida.
Defendemos, portanto, a concessão de liberdade aos jovens, mas de acordo com o seu amadurecimento e desde que tenham condições de assumir a responsabilidade pelos próprios atos.

Extraído do Livro “Esclarecendo os Jovens” de Umberto Ferreira, editado pela Federação Espírita de Goiás

COLABORAÇÃO DE JULIANA CHAIBE, ALUNA DO PRIMEIRO CICLO DE JUVENTUDE

Anúncios

About jizel

Blog da juventude espírita irmã Zélia

One response to “Espiritismo no dia-a-dia”

  1. Fê Castilho says :

    Oi Galerinha,
    Gostei mt da publicação… Vale como reflexão para todos nós jovens que queremos liberdade, será que somos responsavéis suficientes para ter a liberdade que desejamos, que somos maduros o suficientes para responder pelas nossas responsabilidades?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: