Congresso Espírita Mundial

Conferências em homenagem a Francisco Cândido Xavier.

Durante essa tarde foram ministradas duas conferências em homengam a Chico Xavier, intituladas: “Centenário de Chico Xavier: Exemplo de Vida” e “Chico Xavier: Contribuições de sua obra psicográfica”.

A primeira, proferida pela Dr. Marlena Nobre, da Associação Médico-Espírita Brasileira , focou a dura experiência de vida que Chico passou na infância e as dificuldades de sua vida adulta, mas que serviram como experiências valiosas para mostrar a sua retidão de caráter, sua fé inabalável e a sua entrega sem igual para o próximo.

Chico “Amor” Xavier, que durante toda a sua experiência de vida praticou a caridade atendendo ao próximo, em todas as horas do dia, dispondo de seu tempo, sua comida, sua casa, mas, principalmente, tentando a todos os momentos exemplificar a mensagem de Cristo ao viver no caminho da retidão e procurar ser a melhor pessoa que estivesse a seu alcance.

Dr. Marlene contou com mais detalhes algumas das histórias abordadas no filme lançado em Abril desse ano, repassando os fatos e detalhes que Chico havia lhe contado, além de transmitir a emoção que foi o convívio com o médium durante o seu período encarnado. No final, ela pediu desculpas por não conseguir transmitir com palavras o que foi Chico Xavier – exemplo de bondade, fé, amor e superação, que a todos tocava com suas palavras e seu imenso coração.

 

Em seguida, César Perri, diretor da FEB, ministrou uma palestra sobre as contribuições trazidas a partir da mensagem de Chico Xavier. Suas obras que consolam e orientam a espíritas no Brasil e no mundo. Seu trabalho que fortaleceu  o desejo de unificação do Movimento Espírita brasileiro e que se expandiu pelo mundo – com a criação de sociedades espíritas nos EUA, Reino Unido entre outros países.

Além disso, a mensagem de Chico abriu novas portas para estudo e desejo de melhoria, autodescobrimento e intelectualização da humanidade, sendo fonte riquíssima de esclarecimento e paz.

Perri ainda teceu comentários sobre as situações judiciais que envolveram a obra de Chico no começo do século passado, bem como o uso de suas psicografias em tribunais, dando, dessa forma, uma pequena amostra de quão importante foi o trabalho do médium mineiro.

 

 

 

 

Por Davi Marco Lyra Leite

Anúncios

About jizel

Blog da juventude espírita irmã Zélia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: