Archive | março 2010

Você no JIZ

Nome: Karinne Coelho de Oliveira

Idade: 18 anos – 3° ciclo

Aniversário: 27/02/1992

 O que faz? Direito no CEUB – Cursinho para concurso

Hobby?  Ouvir Música  

Filme?  Comédia–Romântica

Musica? “TUDO”

Time? Flamengo

Comida? “TODAS”

Um esporte? Futebol

O que você acha da Juventude?

“Interessante, legal, importante, necessária.”  

O que poderia melhorar na Juventude?

“Mais participação, e que as pessoas levassem mais a sério.”    

Uma frase para encerrar?

AME O PRÓXIMO!

Você no JIZ

Nome: Fernanda Carvalho de Lima

Idade: 17 anos – 2 ciclo

Aniversário: 02/12/1992

 O que faz? Estudante – Colégio Militar- 3 ano

Hobby? Ver televisão

Cor Preferida? Roxo

Filme?  Suspense- Sete vidas

Musica? Pagode – ExaltaSamba

Time? São Paulo

Comida? Macarrão

Há quanto tempo você é espírita? Desde os 8 anos

O que você acha da Juventude? Eu acho legal, animado, mas as pessoas são chatas

O que poderia melhorar na Juventude? Os evangelizadores e a integração

Uma frase para encerrar?

A sua força é do tamanho do seu desejo.

Espiritismo no dia-a-dia

 

O Globo Repórter do dia 26 de março (e não no dia 19 passado, como foi divulgado em caráter geral) trará um especial sobre Chico Xavier, o médium mineiro.

 
O aguardado programa abordará a vida e obra de Francisco Cândido Xavier no ano de seu centenário, a ser comemorado no dia 2 de abril.
 
Depoimentos, entrevistas e arquivos serão exibidos ilustrando o símbolo da mediunidade e caridade com Jesus e Kardec.

Jiz no mundo

O mundo desliga suas luzes na Hora do Planeta

 

Imagine Paris sem a iluminação da Torre Eiffel e o Portão de Brandenburgo, em Berlim, totalmente no escuro. Ainda pense na esfinge e as pirâmides do Cairo; a Fontana di Trevi, em Roma; a ponte Golden Gate em São Francisco; a Catedral de Lima; a estátua de Alexandre O Grande, na Grécia; a Cidade Proibida, em Beijing; o Forte Vermelho, na Índia e o segundo maior prédio do mundo, Taipei 101, em Taiwan, todos apagados.

Pois no dia 27 de março, é isso que vai acontecer: o cenário das cidades ao redor do mundo será bem diferente do que o usual. Das 20h30 às 21h30, 2.383 cidades em 117 países participarão da Hora do Planeta 2010 e irão desligar as luzes de seus monumentos mais conhecidos e maiores construções para mostrar a preocupação com as mudanças climáticas e a degradação ambiental. No total, serão 812 ícones sem luz.

No Brasil, até o momento, 145 monumentos e locais públicos serão apagados. A falta de iluminação no Cristo Redentor, no Rio de Janeiro; na Ponte Estaiada, em São Paulo; no Palácio de Cristal, em Curitiba; no Palácio Dante Martins de Oliveira, em Cuiabá; no Palácio Rio Branco, em Rio Branco; no Arco da Praça Portugal, em Fortaleza; passarão aos brasileiros o recado da necessidade de conter o desmatamento e proteger os ecossistemas terrestres e aquáticos e a biodiversidade do nosso país.

Espiritismo no dia-a-dia

MACONHA É A PORTA DE ENTRADA PARA O MUNDO DAS DROGAS

“Dentre os gravames infelizes que desorganizam a economia social e moral da Terra atual, as drogas alucinógenas ocupam lugar de destaque, em considerando a facilidade com que dominam as gerações novas, estrangulando as esperanças humanas em relação ao futuro.” – Joanna de Ângelis.

      Uma pesquisa realizada pela Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre revelou que 49% dos que experimentam a maconha buscam uma droga mais forte (geralmente a cocaína ou crack).

     Assim como a desculpa utilizada para fumar a maconha “vou só experimentar”, o mesmo ocorre com estes 49% dos usuários que entram na rua de mão única para o sombrio mundo das drogas.

     O crack – que surgiu avassalador entre a população das ruas – , e a cocaína – que há tempos tornou-se o carro-chefe do tráfico -, produzem efeito contrário da maconha no corpo. Enquanto a maconha dá a sensação de relaxamento, estas duas drogas causam uma hiperatividade no organismo.

     Somando-se a precariedade dos meios de produção das drogas (muitas vezes misturadas com vários outros produtos químicos), o consumo habitual de álcool e o baixo preço das doses do crack (R$ 5,00), esses dois entorpecentes já respondem pela maior parte do número de mortes entre os dependentes químicos.

Explicação da Doutrina

     Àqueles que, iniciados na “cannabis” (nome científico da maconha), dizem não ter forças para livrar-se dela, fica o toque de O Livro dos espíritos nas questões 909 e 911 

“909 – O homem sempre poderia vencer suas más tendências mediantes seus próprios esforços?

 Sim, e algumas vezes com pouco esforço; é a vontade que lhe falta. Como são poucos dentre vós os que se esforçam!

912 – Não existem paixões tão vivas e irresistíveis que a vontade seja impotente para dominá-las?”

– Há muitas pessoas que dizem: Eu quero, mas a vontade está apenas nos lábios. Querem, mas estão bem satisfeitas que assim não seja. Quando o homem não acredita poder vencer suas paixões, é que seu Espírito se satisfaz nisso por conseqüência de sua inferioridade. Aquele que procura reprimi-las compreende sua natureza espiritual; vencê-las é, para ele, uma vitória do Espírito sobre a matéria.

Concluindo, vale citar Chico Xavier:

Repórter: “Qual a sua maior decepção?”

Chico: “Não conseguir ainda domar todas as minhas más tendências”